top of page

ClickUp 3.0 – O que podemos esperar?

Essa semana o ClickUp lançou um vídeo falando que ainda esse ano ele vai lançar o ClickUp 3.0, mas o que podemos esperar disso?


Esse é o vídeo em questão.


Se você viu o vídeo e também leu o blog post, temos os seguintes destaques:

  1. Arquitetura de ponta de alto desempenho e escalável para que os usuários confiem que a plataforma ClickUp os ajudará consistentemente a fornecer resultados.

  2. Conectando pessoas em torno de projetos e objetivos compartilhados, para que elas sintam que estão trabalhando juntas, mesmo quando estão distantes.

  3. Reunindo o trabalho não apenas de dentro do ClickUp, mas também de outros aplicativos, para que os usuários não precisem pular constantemente de um aplicativo para outro, frustrados por todo o tempo que estão perdendo.

  4. Liberar o conhecimento muitas vezes preso em sistemas isolados, facilitando a localização em um só lugar, para que todos tenham as informações de que precisam para realizar seu trabalho e tomar decisões mais inteligentes.

  5. Personalizando o contexto com base nos projetos, relacionamentos e interesses priorizados dos usuários, para eles poderem se concentrar no trabalho mais importante sem distrações desnecessárias.

E se você é usuário da ferramenta, sabe que o assunto de velocidade e uptime são críticos.

O Taskade acaba ficando muito lento quando temos muitos registros, além de vez ou outra estar fora, ou ter alguns de seus recursos fora do ar.

Interface:

Outro ponto de destaque, são pequenas mudanças na interface. No vídeo temos uma prévia (?):

Vídeo do canal do ClickUp.


Slapdash

Vale também lembrar que recentemente (abril) o ClickUp comprou o Slapdash, uma ferramenta que poderia melhorar muito a velocidade com que as coisas acontecem dentro da ferramenta, melhorando a inclusão de novas tarefas e realização de pesquisas.

Conclusão:

O ClickUp 3.0 estará disponível ainda esse ano e se realmente for mais rápido já será ótimo. Eu acho bem possível, pois, ao que parece eles estão mudando a arquitetura e se tornando mais escalável.

Além disso, a interface me agradou bastante, apesar de não haverem grandes mudanças.

E você? Qual sua opinião?

Posts Relacionados

Ver tudo

Comments


Mais conteúdos...

Aprenda algo novo ainda hoje.

bottom of page